Pular para o conteúdo

Blog Foco Radical

Início » Como Sair Bem na Foto?

Como Sair Bem na Foto?

Muitos não sabem como sair bem na foto e não é uma tarefa fácil, mas com algumas dicas talvez seja mais simples do que parece. Devemos entender que existem 3 fatores muito importantes para que a foto fique perfeita. O primeiro, é claro, é o atleta, é ele que vai fazer a pose para ser fotografado. O segundo fator que responde a pergunta “Como sair bem na Foto” é o Fotógrafo, e junto com ele a câmera ou melhor dizendo, a lente do Fotógrafo. O terceiro fator, e talvez um dos mais importantes, é a iluminação do local, seja artificial ou natural, mas vamos destrinchar cada um destes fatores a seguir.

1º Fator para a pergunta “Como sair bem na foto?”

O Atleta
O Atleta é responsável por 1/4 da foto, é ele que vai fazer a pose perfeita para ficar bem na foto. Aqui não tem uma receita de bolo, Cada um é diferente e sabe mais do que o fotógrafo qual é a foto que ele deseja ter! É claro que nós como fotógrafos sabemos ajudar a ele escolher qual foto ele quer.

Fotos sorrindo são boas. Muitas vezes, quando o ciclista está em uma subida ele esquece de sorrir, então tente se lembrar de sorrir em algumas fotos, não precisa ser o tempo todo, algumas fotos com o atleta sério ou cansado ficam bem legais também. Fotos apontando com o dedo indicador para a lente passa a imagem de que o atleta está chamando a pessoa que vê a foto para se exercitar também.

Se você estiver pedalando, e for uma subida, tente pedalar em pé, as fotos ficam bem mais legais do que sentado.
Evite falar com o fotógrafo enquanto ele te fotografa, muitas das vezes que isso ocorre, a foto fica péssima, pois o atleta sai de boca aberta e expressões ruins no rosto.

Se estiver correndo, tente acelerar o passo, principalmente se o fotógrafo estiver no chão, seja sentado, deitado ou só agachado no chão. Fazendo isso, a chance de você sair no ar, sem os pés no chão são maiores, e são fotos ótimas.

2º Fator para a pergunta “Como sair bem na foto?”

O Fotógrafo e Sua Lente
O fotografo geralmente sabe o que está fazendo, as vezes vale confiar no que ele diz. Dependendo da lente que ele use na sua câmera, a foto e o estilo de foto muda, sendo assim tem poses e locais que não adianta pedir foto, ela provavelmente não ficará boa e o fotógrafo sabe disso.

Geralmente a lente que nós usamos em uma atividade esportiva é uma lente Telefoto. Ou seja, ela vai pegar o atleta longe do fotografo e tudo que está perto do fotógrafo não será registrado, ou será registrado, porém sem nenhuma nitidez.

Como sair bem na foto - Blog Foco Radical

Foto: Foco Radical

As vezes o fotógrafo esportivo gosta de usar uma lente Grande Angular, ai o padrão de foto muda 100%, este tipo de lente vai pegar o atleta bem pertinho do fotógrafo, se o atleta estiver a 2 metros, 3 metros de distância, a foto já não vai ficar tão boa. Este tipo de lente rende boas fotos, porém é necessário tirar de 3 a 5 fotos para que 1 fique boa, por este motivo nós não costumamos usar muito este tipo de lente, lembre-se que a câmera do fotógrafo tem validade. Usando a Lente Telefoto, nós conseguimos fazer mais fotos de um mesmo atleta em diferentes posições e maneiras, existe mais chances dele gostar de mais de uma foto. Já a lente grande angular geralmente só conseguimos acertar 1 ou 2 fotos.

É possível que estejamos com outros tipos de lentes, mas são lentes mais para fotografar o atleta parado, fazendo pose. Infelizmente, são fotos que não costumam vender muito, muitos se recusam a fazer este tipo de foto dependendo do fotógrafo e do momento.

Por último, lembre-se que o fotógrafo é humano e a câmera é uma maquina. Os dois podem errar na hora da foto e ela não sair da forma como o atleta ou o fotógrafo queriam, é por este motivo que em ensaios fotográficos é necessário repetir a mesma foto várias vezes. Porém, isso não é sempre possível em um momento de treino de um atleta.

3º Fator para a pergunta “Como sair bem na foto?”

A Iluminação
Já ouviram falar em Golden Hour? É a hora mágica para a foto, geralmente na primeira hora depois do nascer do sol e na última hora antes do por do sol. É claro que isso também não é uma receita de bolo, este tempo pode variar dependendo de alguns fatores como nuvens, tempestades, umidade relativa do ar, neblina ou maresia.

Não adianta querer que a foto fique perfeita por exemplo com o atleta de costas pro sol e a câmera do fotógrafo apontando pro atleta e pro sol. As melhores fotos são quando o atleta está de lado para o sol, em um ângulo de 45º onde o sol consiga iluminar bem uma parte do seu corpo (principalmente o rosto) e a outra parte fique na penumbra, isso vai dar tridimensionalidade no rosto do atleta. Fazendo com que a foto fique mais bonita!

Ilustração - Como Sair Bem na Foto?  ângulo de luz - Blog Foco Radical

Muitos fotógrafos esportivos usam flash para abrir um pouco mais a iluminação do dia, usando como uma luz de preenchimento na foto, o problema disso é que o flash costuma pesar muito na mão do fotógrafo, o que acaba cansando! Por este motivo, muitos acabam não usando o flash o tempo todo, além disso, ele usa 4 pilhas AA (na maioria dos modelos) e exige muito da bateria, lembrando que em uma sessão de fotos de treino ou prova, nós fotógrafos costumamos fazer entre 1500 até 5000 fotos em um período de 3 horas de trabalho.

Como Sair Bem na Foto? fotografia com iluminação dia limpo - blog foco radical

Foto: Marco Aurelio Neves Junior

Conclusão

Respondendo finalmente a pergunta gerada no inicio do texto, “Como Sair bem na Foto?” o atleta deve compreender estes 3 fatores básicos. Tanto o que tange a ele mesmo, quando entender o fotógrafo e perceber o que ele quer naquele momento da foto. O que varia de acordo com o equipamento que ele está usando e compreender que a luz ajuda neste processo, que uma foto tirada lá pelas 6h ou 7h da manhã com o sol a 45º ficará melhor que uma foto feita ao sol de meio dia, que gerará sombras no rosto do atleta.

Marco Aurelio Neves Junior
Por: Marco Aurelio Neves Junior
Fotografo Esportivo, ciclista, Guia de Turismo
Regional, Nacional e Internacional especializado
em Buenos Aires, Rio de Janeiro e Egito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *